Tire proveito da hidroginástica

A hidroginástica é uma modalidade que cada vez ganha mais fãs em Portugal. Maioritariamente mulheres, este desporto consegue reunir desde pessoas idosas, a senhoras grávidas. A Mulher Saudável dá-lhe a conhecer mais um pouco como aumentar o seu bem-estar através da hidroginástica.

Começamos pelos benefícios da hidroginástica. Sabemos que a água é um meio de sobrecarga natural através da qual conseguimos melhorar a nossa condição física. As funções motoras de coordenação, flexibilidade e resistência da respiração são melhoradas com a prática desta actividade. A força também é treinada quando se pratica ginástica dentro de água e é importante referir que se promove o relaxamento. Como se está dentro de água, os movimentos que fazemos fazem com que a água provoque no nosso corpo sensações de relaxamento e deste modo, sentimos uma sensação de bem-estar. Há pessoas que não conseguem praticar exercício no exterior devido a um ou outro condicionamento físico mas dentro de água é bastante mais fácil de se exercitar.

Uma das grandes vantagens da hidroginástica é que diminui as dores lombares que possa ter. Dentro de água temos todas as articulações envoltas nela, certo? O corpo fica “mais leve” e por isso temos uma maior amplitude de movimentos. A nossa coluna fica mais “à vontade” e os músculos da zona lombar são usados de modo menos doloroso, aliviando as dores.

Para além das referidas, lembre-se que a sua circulação sanguínea também é melhorada. Quantas vezes já não ouviu dizer que andar dentro de água ajuda nesse aspecto? Pois claro! Faz mesmo muito bem ao seu corpo a pressão da água sobre ele. Para além disto, este desporto também é um óptimo tonificante corporal. Para já, consegue servir para controlar o seu peso. A hidroginástica estimula a tonificação muscular bem como a irrigação dos mesmos. Resumidamente: consegue perder calorias sem que o seu corpo fique “mole” porque está ao mesmo tempo a ser tonificado.

O funcionamento desta actividade depende do tipo de piscina onde está. Se está com ou sem pé, e se tem objectos adicionais ou não. É verdade que na água a nossa postura é mais instável e acabamos por não ter noção da força que temos de aplicar porque parece tudo “mais fácil”. Não se pode portanto, ter medo da água.

Para além de todos os benefícios a nível físico, devemos também referir que existem vantagens psicológicas também. Na maioria dos complexos onde se pratica esta actividade, as aulas têm muitas pessoas e são feitas ao som de música. Deste modo, a boa disposição está presente para além de que se pode ver na água uma fonte inesgotável de divertimento.

6 Comentários

  1. Maria Dos Anjos Oliveira pelo Facebook Fevereiro 27, 2012
  2. Otília Casal via Facebook Outubro 16, 2012

Deixa Um Comentário